• Tirinhas
  • Personagens
  • Livros
  • Curiosidades
  • Na mídia
  • Autora
  • Contato
  • English

Bullying

 

Mas admito que isso é pro bullying escolar boboca. Tem muitos outros tipos de bullying e maus-tratos que simplesmente não tem como não ficar triste. Aliás, às vezes eu fico até mais deprimida não com o conteúdo das palavras, mas com o fato de existir realmente gente que consegue dizê-las e machucar os outros só por prazer. Me faz perder a fé, um pouco.

30 comentários :

  1. Com certeza essa é a melhor atitude para inibir o bullyng, é notório que geralmente quem o faz perde o rebolado quando percebe que não atingiu seu objetivo de tirar o outro do sério. Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. UASHUAHS Engraçado que eu estava pensando nisso esses dias. Se eu revivesse a escola como sou hoje, ia ser tãao mais fácil. É de se perguntar: Por que eu me preocupava com essas coisas, cara? Os idiotas eram eles.

    ResponderExcluir
  3. Tenso é como eles demoram pra desistir!

    ResponderExcluir
  4. É uma pena, mas não tem como voltar no tempo. Somos diferentes hoje porque temos uma outra perspectiva, nosso mundo é mais amplo. Temos emprego, contas a pagar, tudo mudou. Na época da escola, aquele ambiente era o nosso mundo, era muito mais complicado não se importar com a opinião alheia.

    Obrigada pelo post, é sempre legal ver alguém que sofreu bullying saiu da escola e deu um tapa na cara da sociedade HAHAHAHA!

    ResponderExcluir
  5. Possuo 12 anos, e infelizmente, fui vitima do tal Bullying ano passado.
    Sempre achei que fosse idiotice.
    Me chamavam de palavras horríveis, e bem, fiz o que todos me mandaram...
    Ignorei.
    Porém não deu certo...
    Resultado? Mamis descobriu e eu levei uma bronca T.T
    E fiquei sem PC.


    E pensar que eu poderia ter dado um soco na cara de quem fez isso e simplesmente ter ido para a coordenação.

    ResponderExcluir
  6. Bullying é uma palavra tao nada a ver , na minha epoca todo mundo zoava todo mundo sem essa frescura , hoje em dia se zoar o coleguinha com algum apelido a crianca ja sai chorando falando q sofreu bullying. Se agente realmente nao gostasse resolvia na mao e meia hora depois tava abraçado com o cara chamando ele de melhor amigo =)

    ResponderExcluir
  7. Bullying é uma palavra tao nada a ver , na minha epoca
    todo mundo zoava todo mundo sem essa frescura , hoje em dia se zoar o
    coleguinha com algum apelido a crianca ja sai chorando falando q sofreu
    bullying. Quando agente realmente nao gostava resolvia
    na mao e meia hora depois tava abraçado com o cara chamando ele de
    melhor amigo =)

    Mas tirando isso a tirinha ta linda e legal como sempre !

    ResponderExcluir
  8. Obrigada, Bruno! Na real, acho que o que você se refere é mais brincadeiras entre amigos. O bullying que falam hoje em dia é sempre entre pessoas que não se gostam.

    Além disso, eu tenho uma leve sensação de que as crianças hoje em dia estão mas intolerantes... Parece que estão querendo imitar aqueles colégios babacas americanos. Na minha época não tinha muito isso não.

    ResponderExcluir
  9. Bullying não é só zoar o coleguinha não minha gente. Como a própria descrição da imagem disse, ela se refere só ao mais simples tipo de bullying. Existem casos realmente cruéis... pegar o aluno mais solitário da sala e juntar 3 pessoas pra jogar ele num monte de lixo não parece ser só 'zoação' e isso acontece. Casos muito piores acontecem, bullying não é só falar mal da pessoa ou tentar provocá-la, isso é só o inicio. E outra, quando você já sofre de problemas em casa, já sente que não tem amigos e ouvir sua sala de aula inteira zoar você por algum problema, deixaria qualquer um na fossa.
    Zoar os outros pode ser "brincadeira" se você também é alvo de zoação, agora zoar um fulano sem nem ser próximo dele, nunca foi e nunca será algo divertido e leve, pfv.

    ResponderExcluir
  10. Infelizmente nada é assim agora.
    Zoar é uma coisa '-'
    O Bullying hoje em dia vai de Puta abaixo.
    Minha amiga (que tem 13 anos) descobriu que espalharam para todos que ela estava grávida.


    E querendo ou não, isso é bastante chato, as pessoas julgam mesmo sendo boatos. -'

    ResponderExcluir
  11. Nossa, agora que eu percebi...a mão do silvio sem censo social não tem contorno o.o
    Será mais uma assinatura da nossa cartunista Niazinha??

    ResponderExcluir
  12. As crianças de hoje estão mais intolerantes, sim. Acho que hoje em dia seguem um padrão qualquer imposto pela mídia, que as fazem ficar mais frágeis e, caso você a chame de "bobão" é motivo para a mãe correr para a delegacia e te denunciar por bullying, colocar filho no psicólogo e ordenar que o governo queime você em praça pública para servir de exemplo.
    Por outro lado, ainda acho que bullying é uma coisa errada de se fazer. Meu irmão mais novo sofria bullying e eu tentei alertá-lo para reagir. Ele não reagiu. Quando eu percebi ele estava sendo humilhado já. O que eu fiz? Perdi a cabeça, e entrei em briga por causa dele. Não estou falando que eu estou coberto de razão, acho errado resolver as coisas com violência *Violência gera sim violência*, mas ao mesmo tempo, sou a favor de uma medida mais drástica, uma reação de verdade quanto ao bullying. Mas claro, o bullying de verdade, não a banalidade das coisas que andam ocorrendo por ai. (A garota dá um fora no cara ele cresce e mata crianças na antiga escola)

    ResponderExcluir
  13. São pedras no caminho e vc tem varias maneiras de agir :
    - Cair, machucar, chorar e tentar esquecer
    - "Levantar um castelo com as pedras que me atiram" e fazer uma foto com fundo legal pra por no tâmbler ou no feice.
    - Pegar a pedra e jogar na boca de quem atirou em você.

    Eu fiz a terceira opçao e apesar dos pesares, ajudou a formar parte da minha maneira de resolver os problemas, foi onde comecei a entender que cada problema que você ignora só o torna maior.

    ResponderExcluir
  14. Pior que é verdade, mas é exatamente por ter magoado na época que fez efeito :O é como vc escreveu, o bullying se aprimora: o que te afetava naquela época pode não te afetar hoje, mas as pessoas não deixam de te ofender/magoar de outras formas mais cruéis. E o bullying sempre existiu, mas tínhamos formas diferentes de lidar com isso -e éramos um pouco mais light do que vemos hoje em dia. Fora que hoje existe a internet: lembro de um caso, na época da febre-orkut, que uma menina sofreu constantes ataques na internet e na escola pelos colegas. Foi tanto que a família mudou a menina de colégio. Chegando lá, as crianças souberam das comunidades maldosas sobre ela e também praticaram bullying.

    É uma pena que a família e a escola não tenham mais uma ligação tão constante com as crianças para que possam controlar isso :O e fico triste de ver que as crianças também tenham obtido uma consciência tão agressiva e intolerante.

    ResponderExcluir
  15. tbm sofria na escola por ser cabeçudo e nerd, mas a minha melhor arma era essa, ignorar, isso é a pior coisa pra eles. acaba que eles faziam o papel de palhaço. E como eu era grande, nao batiam em mim, e quem batesse nos outros nerds eu fazia questão de defender....

    ResponderExcluir
  16. Estudei no colégio Adventista de Vila Galvão... lá que era pra ser uma escola boa para todos, era um pesadelos para alguns. Muitas panelinhas, excluídos, e ainda pegavam alguns meninos e jogavam uma lata de lixo na cabeça deles, e quando a lata cobria a cabeça, começavam a bater e chutar a lata... era horrível... sai no braço uma vez com os moleques que estavam fazendo isso com um coitado lá, e apanhei =/ mas isso continuou... então sai daquela escola. Ninguém se importava.

    ResponderExcluir
  17. Estudei no colégio Adventista de Vila Galvão... lá que era pra ser uma escola boa para todos, era um pesadelo para alguns. Muitas panelinhas, excluídos, e ainda pegavam alguns meninos e jogavam uma lata de lixo na cabeça deles, e quando a lata cobria a cabeça, começavam a bater e chutar a lata... era horrível... sai no braço uma vez com os moleques que estavam fazendo isso com um coitado lá, e apanhei =/ mas isso continuou... então sai daquela escola. Ninguém se importava.

    ResponderExcluir
  18. Dá vontade de fazer isso mesmo! Outra vez tinha um moleque de uns 13 anos chutando o banco que eu estava... aff os pais dele não faziam nada! E quando levam criança menor de idade pra filme de maior de 18 anos e elas ficam gritando e berrando lá~~ e eles nem ai! Muita falta de consideração e respeito!

    ResponderExcluir
  19. zoada não é sinônimo de perseguição, e tem muita gente confundindo as coisas. Se vc zoa todo mundo e leva as zoadas dirigidas a você na brincadeira, vc não é um bully. Agora, se vc persegue a mesma pessoa para ofendê-la constantemente, agredi-la e humilhá-la, você é um bully e deveria ser expulso da escola.

    ResponderExcluir
  20. Nesse aspecto não mudei muito não. Eu choraria do mesmo jeito! rs
    Quanto a ignorar, acho que é pior. Pisam ainda mais em você.

    ResponderExcluir
  21. Pois é... Eu realmente queria voltar no tempo pra mudar essas coisas XD!

    Quando eu era pequena, sofria bullyng dos garotos da sala. Mas eu não levava desaforo pra casa, e sempre acabava revidando quando vinham me zoar (se eu demonstrasse que não ligava, eles só pioravam os xingamentos, e insistiam até me tirar do sério)... Por isso, eu levava advertência por "agressão ao coleguinha" e eles saiam ilesos -.-'. Pois é, a infância não foi exatamente a melhor época da minha vida XD

    ResponderExcluir
  22. Eu já sofri bullying pesado na escola e era terrível (graças a deus que eu soube lidar bem com isso), mas fico deprimida ao ver que até hoje ainda tem estes tipos de bullying e ainda pior... Depois vem reclamar que a sociedade nao vai pra frente, ok... tá bom

    ResponderExcluir
  23. o pior é q meu irmão, vivia sofrendo bullying e a escola n fazia nada, aí eu pedi pro meu irmão bater no garoto e reforcei q era pra se defender, ja q a escola n fazia nada por ele, tinha q se defender, ele bateu, e foi mandado pra diretoria, vai entender, o garoto pode fazer o q quiser com ele. mas ele n pode bater no cara q agredia ele pra se defender, enquanto o verdadeiro culpado escapa ileso! ME EXPLIQUEM!

    ResponderExcluir
  24. Tentaram fazer bullying comigo na escola, mas nunca fiquei calada não, ouvia frases:
    - Abre os olhos japoronga.
    - Volta pro Japão que é o seu lugar.
    Me esperavam na saída pra me bater, sempre peitei e sempre que pude fiz amizade com outros perseguidos da escola.
    Em algum momento passaram a me respeitar, n foi fácil e hoje faria tudo igual.

    ResponderExcluir
  25. Usarei essa frase da próxima vez que falarem que "nem notaram que eu estava aqui": "não consigo me importar com isso"

    ResponderExcluir
  26. Taí uma boa ideia!Eu tenho 11 anos e sou meio "cheinha"(se é que vc me entende)
    Às vezes eu recebo alguns apelidinhos bestas de quem não tem o que fazer!Mas eu não sou do tipo "valentona", sabe?Eu gosto de ir para a biblioteca e ficar na minha. Eu não sou anti-social.Mas me chamam de "Nerd" porque costumo tirar notas boas.Quando fazem isso comigo, eu não sei o que fazer.Eu fico quieta, mas acho que eles pensam que já que eu não falo nada, eles podem continuar!E essa tirinha foi perfeita!Valeu mesmo!Assim não mudo minha opinião, nem jeito de ser, e eles param!Obrigada!

    ResponderExcluir
  27. os mais engraçado é o Silvio chorando no ultimo quadrinho

    ResponderExcluir
  28. Estudei no colégio adventista de Vila Galvão por 11 anos e só tenho ótimas lembranças. Não sei o ano em que vc estudou mas fico triste em ouvir isso. Alias na minha opinião é uma das pouco escolas que ensinam o ser humano a ser descente ao inves de ficar se preocupando somente em tornar ele um excelente profissional.

    ResponderExcluir