Travesseiros

A quantidade correta de travesseiros segundo a sociedade é um, segundo eu mesma é um milhão

Já cientificamente, a quantidade correta de travesseiros é aquela suficiente para te proteger de uma explosão nuclear, segundo estudos anônimos cuja fonte eu não mencionarei e que ninguém se importará em procurar, porque as pessoas vão tomar qualquer informação fundada em "segundo estudos" como verdade absoluta de qualquer jeito sem se preocupar com qualquer tipo de checagem.


Tweet reacionado de hoje, com uma pesquisa que até hoje me deixa perplexa:

Lógica em provas

Eu não faço a menor ideia de por que eu estudo pra caramba durante dias, semanas e meses, e chega na hora da prova eu decido responder com o exato oposto do que eu aprendi

Sim, é "jênia" com J de jumenta, que é como eu me sinto depois que vejo os gabaritos. 😖


Mini thread relacionada do dia:

Problemas com a aparência

Antigamente meus problemas com a minha aparência eram que eu queria ter um nariz mais reto, um rosto que não tivesse o formato de uma batata e coisas assim. Hoje eu queria é ter orelhinhas de gatinho e maquiagem sempre perfeita que nem os meus filtros do Instagram.

Será que as gerações mais novas já chegaram no momento em que não querem sair de casa e encontrar pessoas porque têm medo do que elas vão achar quando as virem pela primeira vez sem os filtros do Instagram?


Tweet não relacionado do dia:

Dia das Bruxas e Monstros

Antigamente eu tinha medo de monstros no Dia das Bruxas. Hoje eu já acho que todos somos um pouco monstros, lá dentro.

A diferença está no quanto alimentamos nossos próprios monstros.

Um não-tão-aterrorizante Dia das Bruxas pra vocês!


Tweet sombrio do dia:

Indo a shows

ser uma millenial cansada significa que antes de aceitar ir a qualquer show primeiro eu preciso saber se vai ter cadeira

Pensei em três tirinhas hoje, incluindo essa e as próximas duas (para o Dia das Bruxas). O fato de as três terem a mesma vibe "o mundo para millenials cansados" (mais conhecido também como "o mundo para todos os millenials") diz muito sobre o meu estágio de vida.


Obs não relacionado: vi uma coisa interessante hoje na rua e postei no Ig. Quem quiser me seguir, bora lá!

Lata de lixo

Toda vez que eu jogo o lixo fora e ele quica na lata e cai no chão eu entro em um profundo estado de crise existencial tentando explicar por que coisas ruins acontecem com pessoas boas

Mas acho que a sensação é pra fazer contraste com aquele sentimento de vitória inigualável, de transformação no física e psicológica no grande avatar do sucesso e da magnanimosidade mundial (acho que inventei essa palavra) de quando jogamos o lixo de longe e ele, de fato, entra na cestinha. Já vou direto mandar mensagem para a NBA para oferecer minha posição de grande profissional do basquete para as ligas norte-americanas.


OBS: Queridos, o lançamento de Todo Mundo Tem uma Primeira Vez em BH foi lindo demais! Obrigada, de verdade. Ver vocês sempre me enche de alegria.
OBS.2: Infelizmente o evento de Brasília não poderá mais acontecer por inprevistos internos da editora. Estou arrasada que não vamos mais nos ver, mas quero que saibam que eu sigo com todos vocês no meu coração.