Legendas

 

Eu sei que na grande maioria dos casos a culpa não é do tradutor, e sim das empresas e distribuidoras que exigem que eles cortem o texto para tentar diminuir a classificação dos filmes/seriados, mas me explica porque até filmes 18 anos (como Dredd, que eu vi esse fim de semana) também têm que vir polidamente livres de palavrões e "coisas feias"? O indivíduo de 18 anos tem que ser protegido disso? Por que não temos direito a ter acesso ao texto original traduzido, e por isso somos obrigados a ver sempre versões alteradas dos filmes? E, enfim, por que os filmes brasileiros (e até novelas) podem vir cheios de palavrões, e os estrangeiros tem que ser "censurados"?

Saindo das controvérsias, feliz Dia do Tradutor atrasado (foi dia 30) àqueles que exercem essa estressante profissão! °ᵕ°

33 comentários :

  1. Oi Fernanda! Descobri seu blog há poucos dias, e estou adorando! Suas tirinhas são ótimas, parabéns! =D Quanto a tirinha de hoje, uma coisa que eu não entendo é porque raois há mais palavrões traduzidos nas versões dubladas do que nas legendadas. Supondo que esse tipo de censura é feito para "proteger" o espectador, e que a maioria dos brasileiros prefere ver filme dublado (eu sou excessão, mas enfim, xD), não deveria ser o contrário? Go figure, o.o.

    ResponderExcluir
  2. Concordo. É muito chato ver uma cena onde você entende que foi dito um palavrão, mas a legenda diz outra coisa... ¬¬

    ResponderExcluir
  3. voce tem 18 anos menina ?? que sorte fui ver dredd e nao consegui assisti nao tinha sessao aqui em SP

    ResponderExcluir
  4. É sempre assim. A legenda é sempre diferente. Igual ao nome do filme. O nome pode ser "Love" em inglês que em português será "O amor sempre supera todas as dores que o corpo humano sente e abacaxis são azedos"... eheheheheh

    ResponderExcluir
  5. Só entendendo inglês mesmo! Igual uma vez onde estudo passando um trailer de um filme... o pessoal rindo e eu, desconcentrada com essa cara: '-' "do que se trata?"

    ResponderExcluir
  6. melhor eh pornô do cinemax:


    "isso, tenha um orgasmo na minha vagina"

    ResponderExcluir
  7. pior é quando o filme é DUBLADO, você consegue ver pela leitura labial que ele falou alguma coisa tipo palavrão etc, aí vai o dublador e no lugar de FUCK YOU coloca ADORO CHURROS COM CREME DE MELANCIA PODRE E SUCO DE KIWI COM LEITE

    ResponderExcluir
  8. Que amor a senhorita Garrinhas assistindo o filme! <3


    Que lindo!


    Amo seu site!

    ResponderExcluir
  9. Até a globo falar ,,, ninguem pode xD. Já reparou que depois que um palavrão é pronunciado nas novelas, todas as outras obras podem dizer?

    ResponderExcluir
  10. Concordo em discordar dessas ações.
    Não faz sentido. Afinal, a classificação já existe por conta disso... um South Park da vida estaria cheio de "Seus bobões", "Cara de pirulito azedo" e afins.
    Lembro que, fui surpreendido positivamente, ao assistir "O sexto dia" com o Arnold SchuaaeuraeoufajfNEGUER... tanto na versão legendada como na dublada, os palavrões e frases mais fortes foram mantidas.
    Não que ficar ouvindo/lendo essas coisas seja construtivo. Mas foi feito desse jeito, foi distribuído assim e, principalmente, EXISTE A LAZARENTA DA CLASSIFICAÇÃO pra ISSO!
    É o mesmo do tal deputado levar o filho de 11 anos pra assistir "Ted" e depois fazer a maior zorra dizendo que é um filme que as crianças deveriam assistir!!!

    DIABOS! Lógico que não! Por isso tem classificação 16 anos
    Ai o cara vê um ursinho de pelúcia e pensa: "Nossa! Que bonitinho! Vou levar meu filhão pra assistir comigo"

    Capaz de comprar um "PedoBear" de pelúcia e dar pra uma criança por achá-lo "bonitinho"

    É nessa onda que essas alterações, muitas vezes bizarras, acontecem!



    Mais uma vez, parabéns, Fernanda!

    Ps.: "Cara de mamão".....


    AEUAuHAUAHUAEHUAEUAEhEAUhEAUheAUheaUheuheueahuahuAEhEAUhEUheauhAEU

    ResponderExcluir
  11. Disse tudo!

    Essa novela de agora tá CHEEEEIA de palavrões em pleno horário nobre, e mesmo assim ainda ficam fazendo essas censuras sem noção nos filmes! Infelizmente, os que deixam o texto original são realmente raros.

    E, realmente, quem vai ver o filme sem nem sequer ler sobre o que é tá bem propenso a ter "surpresas". Nunca vou esquecer quando fui assistir com meus amigos "100 escovadas antes de dormir" achando que era um filme adolescente. Oh, traumas de infância...

    Obrigada pelos ótimos comentários como sempre, Artur! =)

    ResponderExcluir
  12. Ana Carolina Reis Freitas3 de outubro de 2012 22:16

    É verdade, eu já trabalhei como tradutora e é SI-NIS-TRO!!!

    ResponderExcluir
  13. Olha, minha amiga é formada em tradução e ela me disse que se trata de uma norma culta, que escrever palavrões é muito mais ofensivo do que fala-los, ela disse que se trata de uma regra da tradução brasileira e que ela não concorda mas que os tradutores devem seguir.

    ResponderExcluir
  14. Opa, é um ponto válido sim, Fernanda, e obrigada pela participação!

    Sou como sua amiga, e continuo não concordando com essa postura deles. Alterar o texto e "suavizá-lo" ainda é uma interpretação do tradutor. Ao meu ver, ele deveria priorizar sempre deixar o texto o mais próximo possível da real intenção do escritor, mesmo que seja ofensivo. Entre colocar o palavrão escrito e mudar para algo totalmente diferente, ainda acho que o palavrão escrito fica mais próximo.

    Sem falar que nem sempre podemos respeitar a norma culta quando estamos traduzindo conversas faladas e coloquiais, que nem sempre respeitam as normas!

    ResponderExcluir
  15. Outro dia, num desses filmes eróticos que passam de madrugada na TV a cabo (onde a protagonista transa com o umbigo do parceiro), vi uma legenda que traduziu "fuck my pussy" como "transe com a minha vagina".

    Imagina isso na vida real? No meio do calor da coisa, a minha solta um "transe com a minha vagina"? Hahahahahahahahahahah!

    E não é só isso. Já vi em uma porrada de filmes que a legenda simplesmente não traduz o que a pessoa disse. O diálogo diz uma coisa e a legenda fala outra, e às vezes interfere no sentido da cena. Bizarro.

    Sem contar a mania de traduzir título de filme. Traduziram Hot Shots! como Top Gang: Ases Muito Loucos porque o primeiro filme era sátira do Top Gun; quando veio o segundo tirando sarro do Rambo, o nome ficou sem sentido.

    Claro, nem se compara ao My Girl, aquele filme da Vada e do Macaulay Culkin, cuja continuação acabou ficando, em português, Meu Primeiro Amor 2.

    ¬¬

    ResponderExcluir
  16. Onde está "minha" no segundo parágrafo, leia-se "mina". :oP

    ResponderExcluir
  17. ia comentar isso mesmo, até filmes estrangeiros que passam no Sexy Hot tem legendas do tipo! hahahha

    ResponderExcluir
  18. Dublado é a pior de todas, fora a tradução do nome do filme para português que não tem nada a ver com o nome real, alguns filmes suprimem algumas falas.

    ResponderExcluir
  19. Vish...AUHueahAEUHaEUhaEUhaeuhaE. Acabamos nos traumatizando com algumas coisas mesmo!
    Realmente não se trata de um filme "ameno" ao bom e velho estilo Malhação.
    Mas o que importa é que sobreviveu.
    É até uma ideia, hein?
    Assistindo a um filme... o que eu imaginava que seria....
    Como realmente foi....

    Bjão! E ótimo trabalho. Como sempre!

    ResponderExcluir
  20. VejaBlog
    Seleção dos Melhores Blogs & Sites do Brasil!
    http://www.vejablog.com.br

    Parabéns pelo seu Blog!!!
    - Como Eu Realmente... -

    Você está fazendo parte da maior e melhor
    seleção de Blogs/Sites do País!!!
    - Só Sites e Blogs Premiados -
    Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
    os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

    O seu link encontra-se no item: Blog

    http://www.vejablog.com.br/blog

    - Os links encontram-se rigorosamente
    em ordem alfabética -

    Pegue nosso selo em:
    http://www.vejablog.com.br/selo

    Um forte abraço,
    Dário Dutra

    http://www.vejablog.com.br
    ....................................................................

    ResponderExcluir
  21. Achei que só eu chamava as pessoas de "cara de mamão" O.O

    ResponderExcluir
  22. Acho sem noção as adaptações nas legendas. Á medida em que vamos aprendendo o inglês (ou qualquer outra língua do filme) e entendemos oq eles REALMENTE falam, chega a ser hilário --'


    http://autoracarolinaribeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. concordo plenamente, ela me disse que no curso dele isso foi abordado diversas vezes com os professores e que nem mesmo eles concordam com isso, eles acreditam que deixando o mais proximo possivel mesmo com palavrões seria o ideal para traduzir o que se quer dizer, mas que infelizmente estão enlaçados nesse benedita lei e que se fizerem algo que fuja disso com certeza serão cortados, é uma triste realidade que enfrentamos, a censura ainda impera por aqui no que se diz respeito a tradução de filmes ><
    ainda bem que com os livros a coisa muda de figura, os tradutores tem maior liberdade para traduzir a coisa por mais vulgar que seja XD

    ResponderExcluir
  24. É verdade, concordo plenamente! Pelo menos nos livros temos algo mais parecido com o original, né! Também, num lugar onde o texto é o mais importante, se a tradução tivesse que mudar tudo seria o fim.

    ResponderExcluir
  25. Realmente isso não é muito legal, tipo a gente sabe o que foi dito e eles colocam uma legenda que não tem nada a ver e a gente fica tipo o.o kk' Beijos e parabéns pelas tirinhas.
    oblogdablogueira.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  26. hahaha super doreei a tirinha, e é sério mesmo, se é pra +18 não pode haver censuras no filme, não é ? aliás já tá tendo censura pra entrar!


    http://closet-teen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  27. Eu tava vendo um filme de noite,aí o cara disse "Quer um sinônimo de procriar? : Dane-se",desde quando Dane-se é sinônimo de procriar? 'u' NemLi os lábios dele,mas sei que ele falou "Fuck" ou algo do tipo '-' E na MTV,exibem programas com piadas de duplo sentido e com palavrões toda hora,claro que é mais leve e tal né...Olha,esse negócio das novelas,é porque a Globo acha que a esse horário as crianças já estão dormindo,mas você pode notar que eles só falam palavrão uma hora ou outra,porque podem ter crianças acordadas sim.

    ResponderExcluir
  28. Eu trabalho com tradução (legendagem) e realmente, a maioria da culpa por essas coisas é das distribuidoras. Mas creio que isso logo vai mudar. Já viu o filme "Superbad" dublado? Todos os palavrões foram mantidos. O Telecine também às vezes permite que o tradutor coloque palavrões... As dublagens do finado Adult Swim também eram todas assim (duvida? Procure no YouTube por "Aqua Teen dublado"), então as coisas estão mudando. Lentamente, mas estão.

    Tudo isso tem a ver com o puritanismo brasileiro (e a hipocrisia brasileira também, que deve ser mencionada), que até pouco tempo atrás era MUITO recorrente. Hoje em dia, com a internet (e com pessoas falando palavrão na internet o tempo inteiro, diga-se de passagem), as pessoas estão ficando menos "chatas" com esse negócio de palavrão. Creio que é simplesmente um passo à maturidade de um povo. Ainda sonho com um Brasil em que ninguém ri ou olha espantado quando você solta um "caralho" ou um "porra". E que você não precise ficar se segurando para não soltar uma palavra assim.

    Só é uma pena que enquanto algumas distribuidoras sejam bem liberais, outras me impeçam até de usar a palavra "babaca". Sim, HBO, estou olhando pra vocês. Seus... seus... bobões.

    ResponderExcluir
  29. Putz, aí é coisa de tradutor (muito) ruim mesmo. Caramba... Podia muito bem ter colocado "transar". Ia fazer sentido e não ia ficar ofensivo.

    ResponderExcluir
  30. Concordo XDDD

    Tem uma coisa que notei nas últimas vezes que fui ao cinema e que me irritou: notei que as legendas atuais dos filmes são brancas, sem contorno nenhum! Isso deixa horrível de ler!

    Descobri seu site ontem e até agora (calma, parei para dormir, comer, tomar banho, etc) estou lendo e adorando!

    ResponderExcluir
  31. Isso me lembra a um filme que eu vi o cara falava "Fuck You" e na legenda aparecia "seu bobinho " concordo que as vezes tem que dar uma mudadinha pra todo mundo intender melhor mais tipo as vezes eles exageram demais , poxa classificação etária serve pra que? as vezes isso irrita .

    ResponderExcluir
  32. Nem sempre kkkkk, em Game Of Thrones é o contrário, pois na dublagem falam os palavrões iguais aos em inglês tipo foder, puta e etc, agora na legenda da ate desânimo de assistir... foder vira transar, puta vira prostituta... essa censura nas legendas é a pior coisa do planeta, e apenas por isso, eu baixo os episódios ao invés de assistir diretamente na HBO!

    ResponderExcluir